Como denunciar conteúdo plagiado ao Google?

Por em
Como denunciar conteúdo plagiado ao Google?

Dentre tantas situações desagradáveis que poderemos passar, uma delas é se deparar com um conteúdo desenvolvido por você em um site de terceiros, sem autorização, e para piorar, na íntegra e sem os devidos créditos.

Tal atitude é chamada plágio, pode, e deve, ser denunciada ao Google, além de acionar o site em questão.

Segundo o dicionário Michaelis da Língua Portuguesa, plágio é:

  1. O ato ou efeito de plagiar;
  2. A imitação de um trabalho, geralmente de cunho intelectual, feito por outra pessoa.

É possível que o número de textos copiados se deva a grande procura por textos únicos entregues rapidamente.

 

como denunciar conteúdo plagiado

Crédito:  Yonocompropan

 

Como denunciar conteúdo plagiado ao Google?

 

Importante frisar aqui que se trata APENAS de denunciar e solicitar a remoção de conteúdo que esteja presente em produtos Google. Isso inclui:

  • A própria pesquisa do Google;
  • O Play (aplicativo de música);
  • Blogspot/ Blogger;
  • Algum anúncio do Google;
  • Google Drive e/ ou Docs;
  • Dentre outros.

 

Neste link para o suporte do Google, que explica como denunciar conteúdo plagiado, você deve clicar no produto da marca onde deseja que o conteúdo seja retirado.

Você será redirecionado a outra página onde você selecionará o item que mais se aproxima com a sua solicitação. Continue respondendo todas as perguntas até que lhe seja solicitado preencher um formulário detalhando o que foi plagiado.

Caso seja possível, disponibilize uma amostra do texto ou imagem que possa comprovar o plágio.

É necessário acessar utilizando a sua conta Google para preencher todas as informações, além de fazer a Declaração Juramentada assegurando sua boa-fé.

Finalmente, o Google irá examinar as alegações e, caso sejam verídicas, optar por excluir a publicação de seus aplicativos.

 

Viu como é simples como denunciar um conteúdo plagiado ao Google?

 

Mas, sempre vale entrar em contato com o responsável pelo site e solicitar que confira os devidos créditos ou que retire o conteúdo do ar amigavelmente. No entanto, saiba há outros meios de garantir o respeito a seus direitos sobre o conteúdo.

Como não ultrapassar os direitos autorais de terceiros?

 

Por mais que escrevamos as palavras, ainda que façamos pesquisas, muitas vezes colocamos no papel algo que outra pessoa também já pensou.
Se você tomou algum arquivo como base, coloque a fonte. Desta maneira, o que você está escrevendo terá maior credibilidade e se estenderá ao outro autor!

Se, por acaso, suas ideias não têm alguma fonte, para desencargo de consciência, submeta seu conteúdo a verificadores de plágio. Há vários gratuitos na internet que analisam o texto e ainda apontam a página a qual foi copiada, se for o caso. Se isto aconteceu com algo que você escreveu, analise a página apontada, altere ou coloque os créditos.

Erica Ribeiro

Formada em Relações Públicas pela Fapcom, atuou por 8 anos no terceiro setor com comunicação na temática Segurança Pública. Hoje é responsável pela redação do Profissão Hoteleiro e Relações Públicas na Agência Clave.

Comentários